Um paraíso chamado Lagoinha do Leste



Uma hora e meia de caminhada em meio a uma mata fechada e muito calor. Este é o ônus para se chegar a um pequeno paraíso chamado Lagoinha do Leste. A praia, uma das tantas localizadas em Florianópolis, fica na parte sul da ilha e só é acessível por trilha com saída da Armação ou de Pântano do Sul. Escolhemos a segunda opção. Depois de um trecho bastante árduo, de subida e descida íngremes, a paisagem é recompensadora.

No topo do morro, um mirante proporciona vista privilegiada do mar do Pântano do Sul. Abaixo, podemos avistar o destino: Lagoinha do Leste. Uma praia peculiar onde o banhista pode trocar o mar geladíssimo, naquela segunda de carnaval em torno de dez graus, pelas águas de temperatura amena da lagoa, cuja quantidade de cardumes tanto de pequenos peixinhos quanto de outros um pouco maiores fizeram a diversão das crianças (todas balzaquianas ou próximas a isso). Lembrei da frase de um amigo recente que conheci no acampamento da juventude: “Me encontrei naquele lugar”. E não é difícil!

Mais uma bela surpresa da Ilha da Magia. Sem ambulantes, jogo de bola ou pestinhas te jogando areia. Um paraíso, simplesmente.

2 comentários:

André disse...

É, realmente a trilha maltrata um pouco, mas as belas paisagens e o ponto de chegada,ah, isso compensa tudo.
Lugar muito lindo e encantador.

marcelo disse...

Magnifíco! Lindo encontro de palavras!